Diário de uma pessoa com Bomba de Morfina


Feliz Dia do Médico !

Nesses doze anos de luta contra a dor crônica, passei por vários médicos. Uns me humilharam ou discriminaram, outros, cometeram erros e me abandonaram, mas ninguém me ajudava. Rezei muito e pedi a Deus que enviasse um médico, que além de me ajudar como profissional, estivesse sempre do meu lado. Então, Deus ouviu as minhas preces e me enviou o Dr. Rogano, um anjo na minha vida ! Neste Dia do Médico, gostaria de lhe dizer: -  Muito obrigado, meu amigo ! Obrigado pelas horas em que o sr. saía correndo para me socorrer nos momentos de dor e desespero; pelas brincadeiras nas horas de tensão; pela mão amiga no centro cirúrgico, dizendo que estava do meu lado; pelas horas de incertezas em que falava que daria tudo certo ... e deu tudo certo ! Graças a Deus e a Nossa Senhora, estamos vencendo esta batalha, juntos ! E só Deus, meus pais e o sr. sabem as noites traiçoeiras que tivemos ! Agradeço a Deus por ter colocado o sr. no meu caminho ! Ao sr., DR. LUÍS ROGANO, um obrigado, em nome da minha família, e o meu ,comovido ! Ao sr. eu devo a minha Vida ! Feliz Dia do Médico, amigo Dr. Rogano ! És um exemplo de médico, de ser humano ! Parabéns pelo seu dia !



Escrito por elciane às 16h32
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Mês de Setembro..

No Mês de setembro não pude Blogar. Fiquei ansiosa para ir ao Dr. Rogano. Fomos no dia 03,mas achamos melhor não desligar a bomba devido ao frio. Colocamos 5ml de morfina na bomba. Foi bom não ter desligado,pois minha coluna reclamou muito. Senti dor,minha coluna chegou até a travar. Que susto ! Mas,graças a Deus e  a Nossa Senhora a dor passou com Dorflex,Novalgina e Tanderalgim. Notei que sinto dor com a mudança brusca na temperatura ou até mesmo com um stress. A musculatura contrai !!! Como falei anteriormente, uma das reações da bomba de morfina é a sonolência. No mês de setembro,todas as tardes eu ficava muito sonolenta,dopada,mesmo sem tomar Codein,desmaiava na cama. Tinha que dormir todas as tardes ! Ainda estou assim ! Comecei a fazer os exercícios de fisioterapia que fazia no SESI,devagarinho e,alguns dias da semana. Está me fazendo bem, pois preciso fortalecer a musculatura da coluna.Só caminhar todos os dias está pouco. Estou fazendo também exercícios para a memória , pois a morfina tende a matar alguns neurônios do cérebro ! Além disso,ela faz a gente ficar nervosa e sensível. Se não fosse o apoio dos meus pais e do Dr. Rogano eu não estaria vencendo esta batalha ! Por isso, não desistam ! Faz doze anos que estou lutando contra a dor crônica e, sete anos que tenho implantada uma bomba de morfina. Não percam a fé ! Lembre-se: Lutar Sempre,Desistir Jamais !



Escrito por elciane às 16h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Baixa imunidade ...

Queridos amigos do Blog, uma das possíveis reações da bomba de morfina é a baixa imunidade. Na semana retrasada, peguei uma forte infecção bacteriana na garganta e  nos seios nasais ( sinusite ). Tive dor no corpo, febre, mal estar, íngua, etc. Precisei ir ao médico três vezes, tomei vários antibióticos e antiinflamatórios. Ele disse que estou com imunidade baixa devido a bomba de morfina. Ainda estou me recuperando. Por isso, gostaria de orientar aos portadores de bomba de morfina e seus familiares que é preciso ficar atento a infecções repetitivas ou de difícil tratamento. Estes, poderão ser sinais de que o paciente portador de bomba de morfina pode estar com a imunidade baixa. Por isso, procure ter cuidado com aglomerações, contato com pessoas doentes e locais com muita rotatividade de pessoas como metrô, ônibus, rodoviária, aeroportos, etc. Quando você se sentir mal, procure um médico ! Não se automedique ! 



Escrito por elciane às 12h18
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Sonolência cruel ...

  Amigos do Blog, como falei anteriormente, venho diminuindo a dosagem de morfina da bomba pouco a pouco. Desde que coloquei a bomba de morfina, venho sentindo uma forte sonolência. Eu e minha família pensávamos que, conforme eu diminuisse a dosagem da morfina, esses sintomas iriam diminuir e até cessar,mas isto não está acontecendo ! A sonolência que sinto não é a mesma que sentimos quando estamos com sono. Ela começa sempre no período da tarde,com um sono, dá um mal estar tão grande que, se eu não for deitar e dormir eu sinto como se fosse desmaiar !!! Fico tensa, nervosa ! Agoniada, angustiada ! Sinto a necessidade de dormir, nem que seja por 30 minutos ! Meu corpo chora ! Tentei resistir e quase desmaei na rua. Em outro dia,  se meus pais não estivessem comigo, eu teria sido atropelada ! Sofro muito por não poder trabalhar ! Mas, infelizmente ainda sou refém da morfina ! Enquanto a batalha não acaba, vou pedindo forças a Deus para não desistir e aguentar até o fim ! Rezo por mim e por todos os pacientes que são portadores de dor crônica e que possuem uma bomba de morfina ! A bomba de morfina salvou a minha vida !! Mas, tudo na vida tem vantagens e desvantagens. Nada é perfeito,só Deus !! Por isso,peço a você NÃO DESISTA ! Você não está sozinho(a)  nesta luta ! Confie em Deus ! Para Ele, NADA É IMPOSSÍVEL ! FÉ, ESPERANÇA E PERSEVERANÇA !



Escrito por elciane às 15h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Orientação aos familiares dos pacientes portadores de bomba de morfina

Agora, vou dar algumas orientações para familiares de portadores de bomba de morfina. Como falei anteriormente, para que o tratamento com bomba de morfina seja eficaz, é essencial a união entre médico, paciente e familiares. Os familiares precisam ter muita paciência e amor para que o paciente se sinta seguro e não sinta solidão. O diálogo é muito importante, para que o paciente fale o que ele está sentindo. Lembre-se: o paciente não tem controle sobre os efeitos da morfina ! Ele pode ficar muito nervoso, ansioso ou deprimido, sem motivo aparente. Mas, neste momento, é a morfina que está controlando o seu corpo e a sua mente. Quando o paciente ficar muito sonolento, ele precisa dormir, nem que seja por alguns minutos. Desta forma, ele acordará melhor. È importante evitar que o paciente saia sozinho, porque a morfina tende a deixá-lo dopado e indefeso. Quando ele precisar ir a um Pronto-Socorrro, é importante informar ao médico dele e comunicar a equipe médica do hospital que ele possui uma bomba de morfina. Os medicamentos derivados de Tramadol podem inibir o efeito da morfina, por isso evite o uso deles. É importante esclarecer que o exame de Ressonância Magnética  poderá parar o sistema de funcionamento da bomba ou suspender temporariamente a medicação. O médico deverá ser avisado, caso o paciente sofra alguma queda, para verificar se a bomba ainda se encontra no mesmo lugar e funcionando corretamente. Alguns profissionais da área da saúde tendem a discriminar os portadores de bomba de morfina. A família precisa estar ao seu lado para defendê-lo. É preciso que a família cuide do paciente e o oriente a não realizar atividades que possam aumentar a sua dor. Só o amor cura ! Quando o paciente se sente amado e compreendido, ele se sente seguro ao passar por este tratamento . O paciente não fica nervoso ou tem reações imprevisíveis porque quer, são efeitos do medicamento, da morfina. Ele é o mais prejudicado, pois é ele que está sentindo. Com fé, paciência, perseverança e muito amor, esta fase passará, pois, para Deus, nada é impossível !



Escrito por elciane às 13h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Possíveis reações da Bomba de Morfina ...

A dor crônica é uma doença que debilita muito o paciente. Muitas vezes, ela deixa a pessoa incapacitada para ter uma vida social e profissional. Para o caso onde todos os tipos de tratamento não foram eficazes, é indicada a implantação de uma bomba de morfina. Ela é um aparelho que injeta na medula a substância que irá, pouco a pouco, aliviar  a dor do paciente. O paciente que precisar colocar uma bomba de morfina, poderá apresentar alguns sintomas orgânicos, como: retenção de líquidos, aumento de peso, urticária (coceira), enjôos, tonturas, prisão de ventre, etc. Poderão surgir também reações emocionais, como: alteraçôes do humor, alterações do sono (insônia ou sonolência), ansiedade, nervosismo, sensibilidade a flor da pele, angústia, etc. È importante ressaltar que as reações variam de pessoa para pessoa. Existem pacientes com bomba de morfina que não apresentam nenhuma das reações citadas. Para o tratamento dar certo, é essencial que o paciente tenha o apoio de familiares e amigos. Paciência e muito amor poderão fazer com que o paciente se sinta confiante em relação ao tratamento. Você, que é paciente, procure conversar com seus familiares sobre o que está sentindo. Se sentir necessidade, um diário lhe ajudará a lidar com esta fase da sua vida. Quando tiver enjôos, tente injerir maçãs, sucos e picolés de limão. Procure beber muita água para diminuir a retenção de líquidos. A aveia e o mamão poderão ajudar na constipação intestinal. É importante que, quando você sentir sonolência, não lute contra ela. Durma e relaxe. Você acordará melhor ! Para você familiar, procure entender o que o paciente com bomba de morfina está passando. As reações que ele poderá apresentar são involuntárias e resultantes dos efeitos colaterais do medicamento. Tenha paciência e procure ouvir as angústias e medos do paciente. Evite deixar o paciente sair sozinho, pois a morfina poderá deixá-lo dopado. Como falei anteriormente, ele torna-se refém da morfina ! Somente juntos, médico, paciente e família, poderão vencer a batalha contra a dor crônica ! Estou a disposição para esclarecer quaisquer dúvidas, pois sou portadora de bomba de morfina há sete anos ! Sei o que vocês estão passando ! Não é fácil, mas não desistam  ! Confiem em Deus !



Escrito por elciane às 12h32
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Este mês ....

  Queridos amigos do Blog, todas as manhãs procuro caminhar, o que está me fazendo muito bem. Tentei blogar várias vezes a tarde, mas não consegui. Sinto sonolência demais !!!! Em relação às medicações, continuo tomando Codein, se necessário, e laxante. No dia 14 de julho, fui ao consultório do meu amigo Dr Rogano e diminui mais um pouco a morfina da bomba (de 0,67 para 0,45). Foi uma grande vitória ! O que tenho percebido é que a adaptação do meu corpo com a bomba de morfina foi muito difícil e a diminuição(desmame) também está sendo. Toda vez que diminuo a morfina da bomba, passo muito mal: sinto enjôos, mal estar, dores no corpo, muita sonolência, nervosismo e sensibilidade a flor da pele. Não é fácil colocar uma bomba de morfina. Você vira refém dela !! Ela mexe muito com o nosso emocional e com nosso organismo ! Graças a Deus, minha família me entende !! Eles sabem que não sou assim !!  Amigos do Blog, jamais desistam de lutar ! Tenham fé em Deus ! Se eu que tenho uma bomba de morfina, há sete anos, estou vencendo esta batalha, você também pode !!! Deus cuida de mim, cuida de você, cuida de nós !!! Força, conte sempre com as minhas orações !! Se precisar, estarei aqui para ajudá-lo(la) ! Você não está sozinho(a) nesta luta !!



Escrito por elciane às 12h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


12 Anos de Luta e Esperança

  Hoje, dia em que faz doze anos que luto contra a dor crônica, eu só queria dizer uma coisa: - Muito Obrigado !!! Muito Obrigado, Senhor, por me dar forças para lutar e jamais desistir !  Muito Obrigado, meus pais, por estarem sempre a meu lado e me aceitarem como eu fiquei ! Muito Obrigado, Amigo Dr. Rogano, por ter salvo a minha vida ! Muito Obrigado, família amada, pelo amor de vocês ! Muito Obrigado, minhas meninas: Leda, Edna e Antônia, por terem lutado junto comigo !  Muito Obrigado, meus amigos, pelas orações e carinho ! Não foi fácil, mas hoje, após tanto sofrimento, tanta discriminação e humilhação, posso dizer ESTAMOS VENCENDO A LUTA CONTRA A DOR CRÔNICA ! Sou um milagre ! Muito Obrigado !



Escrito por elciane às 21h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Últimos meses

Prezados amigos do Blog, nos últimos meses aconteceram algumas intercorrências que me impossibilitaram de Blogar. Em Março, eu e meus pais mudamos de residência. Ficamos preocupados com a minha coluna mas, graças a Deus, só senti dor na coluna no dia da mudança. Passei os dias com muita sonolência, decidimos, então marcar Dr. Rogano para Abril para trocar toda a morfina da bomba. Fomos para o consultório do Dr. Rogano, trocamos toda a morfina da bomba e diminui a quantidade de morfina de 0,9 para 0,7.Porém, no dia seguinte, comecei a sentir fortes dores no corpo,mal estar e também tive febre. Meus pais também ficaram doentes. Dias depois, sem melhorar os sintomas, ligamos para Dr. Rogano pensando que a bomba de morfina tivesse sido desligada novamente. Ele nos orientou a procurar um hospital e fazer todos os exames para verificar se eu estava com alguma infecção.Fui para o hospital, lá tomei até morfina para dor no corpo e foi constatado que eu estava com infecção de urina.Tomei antibióticos,mas não melhorava.Parei no hospital novamente,e disseram que eu estava com uma virose.No dia seguinte, nós três fomos ao otorrino e ele disse que devido a mudança, nossa imunidade havia caído e, por isso pegamos uma infecação e,eu,por causa da Bomba de Morfina, havia pegado uma infecção mais forte do que os meus pais.Tomamos os remédios e fomos melhorando com o passar dos dias. Nos meses seguintes fiquei tão sonolenta todas as tardes, que se eu saísse, tinha sensação de desmaio. Estou organizando nosso novo lar com meus pais e caminhando de manhã. A tarde, fico impossibilitada de entrar no Blog devido a forte sonolência. Com o frio chegando, sinto dores na coluna,mas não como antes. Nem preciso mais usar bolsa gel quente para aliviar a dor. Melhoro só com Codein, Novalgina e Cataflan gel. Graças a Deus ! Só recentemente, descobrimos que eu sentia tanta dor no nosso antigo lar por causa da umidade,pois atrás dele, no passado, existia uma represa. Já me sinto melhor após a mudança. Me desculpe por não ter blogado mais. Senti muita falta. Foi difícil , mas após doze anos de luta, estamos vencendo a batalha contra a dor crônica. Obrigado Senhor, Nossa Senhora, meus pais,minha família, amigo Dr Rogano,minhas meninas e amigos ! Sem vocês eu não teria forças para lutar e vencer ! Muito Obrigado !!! Nunca percam a fé, Deus sempre cuida de nós !!!



Escrito por elciane às 13h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Imunidade baixa !!!

Amigos do Blog, não pude blogar no segundo semestre de 2013 porque, minha imunidade caiu muito devido a  bomba de morfina . Em cinco meses, tive cinco infecções, ou seja, uma infecção por mês ! Desde o mês de julho de 2013 tenho uma íngua dolorida em meu pescoço. Já tomei tantos antibióticos. Por isso, faço um alerta aos portadores de bomba de morfina, evitem ficar em aglomerações que contenham pessoas com doenças contagiosas ! 



Escrito por elciane às 20h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Mês passado

Queridos amigs do Blog, passei o final de setembro com uma gripe cruel ! Nem fui ao médico, me cuidei em casa, mesmo. Primeiro mamãe ficou, depois fui eu . Concluímos que a íngua que tenho é decorrente de uma infecção,pois sentir muita dor nela. No dia 27 de setembro criei uma frase: " EU NÃO POSSO MUDAR O PASSADO, MAS COM FÉ EM DEUS E EM NOSSA SENHORA POSSO MUDAR O FUTURO !"



Escrito por elciane às 15h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Resumo do tempo que fiquei sem blogar

Queridos amigos do Blog, não pude blogar todo este tempo devido a problemas de saúde. Após voltar do hospital, continuei sentindo dores no corpo, mas eram diferentes da dor de abstinência. Verificamos que era devido a morfina velha da bomba. Além de dores no corpo, a morfina velha na bomba pode causar uma angústia tão intensa, que a pessoa pode até ter um infarte. Cuidado: Morfina velha pode matar !!!  No dia 16 de agosto, troquei toda a morfina da bomba. Que alívio ! Desde o dia 19 de agosto  venho lutando contra um problema sério na garganta. Estou com uma íngua muito dolorida no pescoço que , mesmo após tomar antibióticos fortíssimos não melhora. Amanhã irei passar com um médico de cabeça e pescoço para ver se descobrimos o que tenho. Há três anos, tenho o mesmo problema, que causa  dor de garganta e íngua , depois some e só volta no ano seguinte.  No ano retrasado, cheguei até a ficar internada, mas não não descobriram o que causa estes sintomas. Continuo ficando muito dopada todas as tardes devido a morfina. Mesmo após diminuir a dose   continuo sonolenta, principalmente no período da tarde. Não é fácil ter bomba de morfina, nesta fase é ela quem manda na gente. Somos refens dela. Mas, tenho certeza que, sem ela eu não havia sobrevivido a tanta dor. Continuo caminhando todas as manhãs , diminuindo a dosagem do Codein e fazendo compressas de bolsas gel na coluna. Tenho fé que logo não dependerei mais dela. Não podemos nunca desistir de nossos sonhos. Fiquem com Deus !



Escrito por elciane às 15h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Mensagem da missa de 11/08

Na missa de domingo, 11/08/2013, tinha uma mensagem muito bonita no folheto :

"Dai-nos olhos para ver as necessidades e os sofrimentos

dos nossos irmãos e irmãs;

inspirai-nos palavras e ações para confortar os desanimados e oprimidos,

fazei que a exemplo de Cristo,

e, seguindo o seu mandamento, nos empenhemos lealmente no serviço a eles ..."



Escrito por elciane às 11h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


Esta semana ...

Queridos amigos do Blog, como falei na mensagem anterior, ainda estou me recuperando da última internação. Continuo sentindo dores no corpo, só que diferente. Quando a bomba de morfina parou , as dores no corpo pareciam agulhadas. Agora o meu corpo lateja. Pensávamos até que eu estava com uma gripe encubada, mas chegamos a conclusão que a morfina está velha, por isso estou tendo este sintoma. Desde segunda-feira, estamos atrás de morfina para trocar toda a morfina da bomba, mas não estamos encontrando em lugar nenhum. Temos esperança de acharmos ainda hoje. Até cheguei a pegar um resfriado esta semana, devido a baixa imunidade causada pela bomba, mas, nem precisei ir ao médico. Além de dores no corpo, sinto uma ansiedade fora do comum. Para as dores no corpo, tenho tomado Novalgina 2x ao dia. Continuo tomando metade de Codein de manhã e um inteiro a noite. Procuro comer chocolate para evitar a depressão. A partir de agora, teremos ainda mais cuidados com a bomba de morfina, pois quase perdi minha vida. Sigo lutando para que, um dia, eu possa viver sem bomba de morfina. Tenho muita fé , pois, para Deus, nada é impossível. Lembre-se: Lutar sempre, desistir jamais. 



Escrito por elciane às 11h34
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


O dia em que a bomba de morfina parou ...

Tudo estava indo bem comigo. Eu já estava diminuindo a quantidade de morfina da bomba, estávamos felizes com a minha recuperação. No dia 29 de julho, fomos encher a bomba com o Dr. Rogano e passei pela porta com biometria (aberta com a digital do dedo indicador). Achamos estranho que, apesar de um mês e dez dias, a bomba ainda tinha 15ml. Como eu estava bem, diminuímos de 1.2  para 1.1. Contei ao Dr. Rogano a dor no corpo que eu havia sentido no dia anterior e chegamos a conclusão que poderia ser devido ao frio. Chegando em casa, almoçamos e fomos caminhar um pouco. Voltei para casa dopada, e fui logo tomar banho e deitar. Quando acordei, algo estava acontecendo: meu corpo dava fortes agulhadas, me senti febril, tive enjôo e um terrível mal estar. Senti também um forte cheiro de morfina. Até falei com mamãe: - Algo errado está acontecendo comigo, mas não sei o que é. Acho que é algum problema com a bomba de morfina. Nessa noite, não consegui ver tv, nem fazer compressas. Mamãe deitou-se ao meu lado, mas não conseguimos dormir. As dores no corpo estavam cada vez mais insuportáveis. Eu não conseguia comer, dormir e até  a roupa me incomodava.  Desesperada, tomei 2 Novalginas, 1 Codein e 1 calmante que mamãe toma para dormir. Ela queria me levar para o hospital, mas eu só queria dormir, nem que fosse por um minuto. Estava exausta. No dia seguinte, fui levada ao hospital, onde fizeram todos os exames, que deram normais. Tomei tanta morfina, mas não fazia efeito algum. Mamãe ligou para Dr. Rogano, que enviou um técnico para ver se tinha algum problema com a bomba de morfina. Ele logo verificou que ela estava parada há 33 horas e religou. Eu estava com abstinência. O médico adiantou minha internação e deixou medicação de horário, pois, como não tinha nenhum quarto vago, passei 3 dias no P.S. Meus pais ficaram sentados todo o tempo. Aos poucos, fui me recuperando mas, no terceiro dia comecei a ter fortes crises de labirintite . Como Ledinha cuidou de mim nesses dias, e também quando coloquei a bomba, lembrou que eu estava tendo os mesmos sintomas. Eu não conseguia comer nada, só maçã.  No final da noite, fui transferida para o quarto. Tomei medicações na veia para ânsia e labrintinte e, graças a Deus, no dia 3 de agosto, sábado, pude ir para casa. Cheguei tão fraca e debilitada, que só pude entrar hoje na internet.

Obrigado, Senhor, por mais uma chance de viver !!! Obrigado, meus pais, por lutarem comigo, tenho fé que venceremos esta batalha !!! Obrigado, Ledinha, por ter cuidado de mim com tanto amor, você é minha tia também !!! Obrigado a vc, amigo Dr. Rogano e a todos aqueles que rezam por mim !!! Sem a oração de vocês eu não teria sobrevivido !!!

Para você que tem bomba de morfina, todo o cuidado é pouco, pois uma bomba desligada subitamente poderá colocar sua vida em risco !! Cuidado ao passar em locais com entrada magnética ou com biometria !!

 

 



Escrito por elciane às 21h23
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Meu site: A dor de uma borboleta